Páginas

quarta-feira, 18 de abril de 2018

34 EMPRESAS DE TECNOLOGIA SE UNEM EM ACORDO DE SEGURANÇA CIBERNÉTICA

Iniciativa inclui companhias como Cisco, Dell, Facebook, HP, Microsoft e SAP.

A RSA Conference, realizada nesta semana em San Francisco (EUA) foi palco da assinatura do Acordo Tecnológico de Segurança Cibernética, que inclui a participação de 34 empresas globais de tecnologia para promover a segurança on-line em todo o mundo.

Os participantes do acordo são: ABB, Arm, Avast, Bitdefender, BT, CA Technologies, Cisco, Cloudflare, DataStax, Dell, DocuSign, Facebook, Fastly, FireEye, F-Secure, GitHub, Guardtime, HPE, HP Inc., Intti, Juniper, LinkedIn, Microsoft, Nielsen, Nokia, Oracle, RSA, SAP, Stripe, Symantec, Telefonica, Tenable, Trend Micro e VMware.

Brad Smith, presidente e Chief Legal Officer da Microsoft, afirma que a iniciativa é um passo importante que já conta com amplo apoio de muitos dos líderes do setor de tecnologia e empresas de segurança cibernética. "E nas próximas semanas e meses, estamos confiantes de que esses números vão crescer ainda mais", projeta.

O executivo diz também que o sucesso desta aliança não é apenas assinar um compromisso, mas sim sobre a execução. "Por isso que hoje é apenas um passo inicial, e amanhã começaremos o importante trabalho de aumentar nossa aliança e tomar ações efetivas juntos."

Smith explica que o acordo estabelece quatro princípios:
1. O primeiro é proteger todos os usuários e clientes em todos os lugares, sejam indivíduos, organizações ou governos, independentemente do conhecimento técnico, cultura, localização ou os motivos do invasor, sejam eles criminais ou geopolíticos. "Como indústria, prometemos hoje que projetaremos, desenvolveremos e forneceremos produtos e serviços que priorizem segurança, privacidade, integridade e confiabilidade e, por sua vez, reduzam a probabilidade, a frequência, a exploração e a gravidade das vulnerabilidades. Isso inclui proteções mais fortes de instituições e processos democráticos em todo o mundo."

2. O segundo princípio é que as empresas vão se opor aos ataques cibernéticos contra cidadãos e empresas inocentes de qualquer lugar. "Como afirmamos no Acordo Tecnológico, protegeremos contra adulteração e exploração de produtos e serviços de tecnologia durante seu desenvolvimento, projeto, distribuição e uso. Não ajudaremos os governos a lançar ataques cibernéticos contra cidadãos e empresas inocentes."

3. Em terceiro lugar, as empresas prometem capacitar usuários, clientes e desenvolvedores a fortalecer a proteção da segurança cibernética. "Uma das conclusões que surgiram no ano passado é, não surpreendentemente, que, em qualquer cenário de segurança, você é tão forte quanto o elo mais fraco. Proteger a rede mundial de computadores exige que todos nós reconheçamos a necessidade de aumentar a capacidade e a resiliência das redes de computadores do mundo. Faremos isso fornecendo aos nossos usuários, clientes e ao ecossistema mais amplo do desenvolvedor mais informações e melhores ferramentas que permitam compreender as ameaças atuais e futuras, e proteger-se contra elas."

4. E, por último, as organizações dizem que farão parcerias umas com as outras e com grupos afins para melhorar a segurança cibernética. "Trabalharemos uns com os outros para estabelecer parcerias formais e informais com pesquisadores da indústria, da sociedade civil e de segurança, em tecnologias proprietárias e de código aberto para melhorar a colaboração técnica, divulgação de vulnerabilidades e compartilhamento de ameaças, bem como minimizar os níveis de códigos maliciosos sendo introduzidos no ciberespaço. Além disso, incentivaremos o compartilhamento global de informações e os esforços civis para identificação, prevenção, detecção, resposta e recuperação de ataques cibernéticos e garantir respostas flexíveis à segurança do ecossistema de tecnologia global em geral", finaliza Smith.

terça-feira, 10 de abril de 2018

CHECKLIST PARA A ADOÇÃO DA NUVEM

Dez itens devem ser verificados antes da decisão de migrar para o novo modelo


Se sua empresa ainda não usa Cloud omputing como parte das operações diárias, há uma boa chance de o modelo invadir a companhia nos próximos anos.

Um dos principais benefícios da nuvem é a sua capacidade para a terceirização da infraestrutura e da gestão de aplicações complexas e serviços de dados, permitindo que os gerentes de data centers adquiram ciclos de computação e capacidade de armazenamento de uma forma mais granular, sob demanda. Em vez de gastar capital a granel com grandes servidores e soluções de armazenamento, você pode comprar tempo de computador com base no uso real de ciclos de CPU e a quantidade de gigabytes ou terabytes utilizados no armazenamento.

Migrar dados críticos e aplicações para a nuvem pode ser significativamente mais rentável do que manter o hardware nas instalações da empresa. Como seus dados são armazenados na infraestrutura do provedor de serviços, não há necessidade de investir na compra de equipamento, manutenção ou atualização do servidor.

Além disso, como os dados e o software estão sob responsabilidade de um provedor, a companhia contratante pode diminuir o número de funcionários de TI ou contratados necessários para manter o hardware on premise funcionando, direcionando-os para atividades mais estratégicas que agreguem valor aos negócios.

Ao migrar os dados da companhia para uma empresa especializada no fornecimento de soluções de computação em nuvem, a organização não está apenas investindo em uma solução de armazenamento off-site, mas também comprando um pouco de tranquilidade.

Isso porque, provedores de soluções em nuvem como Amazon, IBM, Cisco e Microsoft contam com funcionários treinados prontos para responder a emergências, frustrações e fracassos 24 horas por dia, 365 dias do ano, garantindo que companhia e funcionários tenham acesso a arquivos e aplicações de negócio. Além disso, eles dão a assistência necessária quando solicitados.

Por padrão, a computação em nuvem oferece uma solução de backup instantânea fora do local em que está rodando. Em casos de desastres no escritório, por exemplo, a continuidade dos negócios será assegurada, graças ao fato de que as informações são replicadas para outro local.

Ter uma solução de computação em nuvem significa também poder crescer rapidamente para atender às demandas de funcionários e clientes é uma obrigação. Conforme os negócios crescem, a solução baseada na nuvem pode ser rapidamente escalada para atender às crescentes necessidades.

Essa movimentação pode ser especialmente importante para empresas que dependem de vendas na web como representatividade significativa da receita. A falta de capacidade do servidor pode rapidamente resultar em vendas perdidas.

Em essência, a nuvem muda a sua estrutura de custos e gestão de TI a partir da compra de equipamentos, contratação de profissionais e operação de datacenters internos para um paradigma orientada a serviços em que você compra apenas o que você precisa quando você precisa. Torna-se problema de outra pessoa certificar-se que tudo está seguro, disponível e confiável.

No entanto, há sempre vantagens e desvantagens em entregar o controle de sua TI para outra pessoa. Você precisa ter certeza de que vale a pena, e que funciona.

AQUI ESTÃO DEZ ITENS PARA VERIFICAR ANTES DE ADOTAR A NUVEM:
1) O contrato é bom o suficiente para protegê-lo, não importa o que acontecer com o fornecedor nuvem?
2) O que acontece se e quando o provedor falhar?
3) Como você pode mudar de fornecedores e mover os dados se quiser deixar o serviço?
4) Você conhece seus atuais custos internos, e vai migrar para a nuvem para reduzi-los?
5) Existe alguma flexibilidade na capacidade de escolher produtos de fornecedores específicos, ou você está preso ao que é oferecido?
6) Se o seu desejo é a terceirização de armazenamento, existem preocupações com o desempenho?
7) Se houver preocupações, existem garantias?
8) E quanto à segurança dados e à criptografia?
9) Se você estará em um ambiente multi-tenant, haverá algum isolamento lógico ou físico?
10) Quais aspectos de confiabilidade estão implementados e disponíveis? Existe uma escala baseada em custo RAS para confiabilidade, disponibilidade, escalabilidade, ou todo mundo tem a mesma solução?

Tudo isso é importante para começar a avaliar se a computação em nuvem faz sentido para a sua organização.
Fonte: CIO
Autor: Chris Poelker e Seamus Bellamy, Computerworld/EUA
Fonte Complementar: 5 PASSOS PARA SIMPLIFICAR A MIGRAÇÃO PARA NUVEM

terça-feira, 3 de abril de 2018

KBAs MAIS IMPORTANTES DA LOCALIZAÇÃO BRASIL

FCP
ICMS PARTILHA:

NF-e 4.0:

TDF - Tax Declaration Framework

Reports
Payment Files and Bank Statements

Withholding Taxes

Material Management
2478990 - STO (Stock Transfer Order)
2479020 - STO with Full/Partial Return
2479025 - STO using Inbound Delivery
2479112 - Service PO DIEN Material 
2479075 - Service PO Withholding Taxes
2479111 - Stock Transfer MM
2479018 - Consignment
2479103 - Future Delivery
2479104 - Third Party Selling
2479074 - Subcontracting Process
2478950 - Resale Scenario
2479019 - Freight and CT-e
2479092 - Subsequent Credit and Debit 
2479105 - Returnable Package

STO – STOCK TRANSFER ORDER
2478990 - STO (Stock Transfer Order)
2479020 - STO with Full/Partial Return
2479025 - STO using Inbound Delivery

TAXBRA

CUSTOMIZING BRAZILIAN LOCALIZATION

quinta-feira, 29 de março de 2018

SAP ANUNCIA NOVA SOLUÇÃO DE INTELIGÊNCIA FISCAL NA NUVEM

Em um país com 26 estados, mais de 5 municípios e uma imensa complexidade fiscal, calcular corretamente a alíquota de impostos de um produto é uma vantagem competitiva única, seja no aumento de lucratividade, melhoria de precificação e ainda na prevenção de riscos fiscais. Um exemplo dessa complexidade está no setor de e-commerce, que comercializa seus produtos para todo o Brasil e sofre a diversidade da tributação de cada local que vende, alterando o valor do seu produto ou da sua margem dependendo para qual estado foi feita a venda.
Por este motivo, a SAP em parceria com a Taxweb, anunciam uma aliança tecnológica que vai mudar a forma como as empresas classificam e calculam os tributos de seus produtos. Ela já está disponível com a nova versão do ERP S/4HANA Cloud, que terá o sistema de inteligência fiscal e tributário da Taxweb integrado. A integração foi realizada em conjunto com a equipe de localização de produtos da SAP Brasil (SAP Globalization Services), e com apoio técnico do SAP Co-Innovation Lab Brasil (COIL).
As vantagens se estendem a qualquer segmento de negócios, entretanto, analisando o varejo, por exemplo, que possuí um alto volume de produtos comercializados e com isso maior  complexidade e risco fiscal, os benefícios serão nítidos e existirá reflexo na ponta final. Com a aplicação correta e automatizada das alíquotas dos impostos, as empresas diminuirão as perdas causadas pela aplicação errada de impostos e poderão praticar preços mais competitivos no mercado consumidor.
"Existe uma relação de custo e risco quando falamos da área fiscal de uma empresa, principalmente em relação a classificação correta de impostos de mercadorias. Quanto mais for automatizado o processo, menor o risco e o custo, pois ele acontece sem nenhuma intervenção e sem espaço para erros. Com a adoção do S/4HANA Cloud integrado à solução de inteligência fiscal da Taxweb naturalmente todos os processos passam a ser mais eficientes diminuindo inclusive os custos operacionais, já que tudo será automatizado. As empresas começam a pagar impostos corretamente, nem a mais e nem a menos, as margens são preservadas e toda a cadeia é beneficiada" – explica o CTO da Taxweb, André Barros. "Uma empresa que não automatiza sua inteligência fiscal possui eficiência tributária baixa e fatalmente repassa o ônus da ineficiência da operação para o consumidor final. Nosso objetivo é aumentar a eficiência tributária através da automatização da inteligência fiscal e dar as empresas a possibilidade de serem mais competitivas e estarem em conformidade com o Fisco" – complementa o executivo.
A inteligência fiscal da Taxweb é pautada pelo produto Taxrules, uma tecnologia que é 100% SaaS, colaborativa, e moderna, que possui um potente motor de cálculo aliado a um conteúdo fiscal atualizado em tempo real. O Taxrules garante um processo contínuo de monitoramento dos impostos de 27 diários oficiais (26 estados + DF) e alimenta automaticamente as bases de cálculo da solução, conseguindo dizer qual é a alíquota correta a ser praticada em um produto específico. Além de apurar os tributos atuais de uma empresa, ainda pode auditar o passado e fazer uma previsão estratégica do futuro, ou seja, a empresa pode definir por exemplo qual é o melhor estado para efetuar uma compra ou até mesmo decidir qual a localização mais estratégica para um Centro de Distribuição.
"Na Taxweb enxergamos uma solução de compliance fiscal robusta, com conteúdo amplo e tecnologia "em nuvem". Nossos clientes não precisam passar 6 meses implementando um sistema e nem precisam se preocupar com atualizações constantes, com isso todos os custos diminuem. Isso fez com que a Taxweb conseguisse se integrar ao S/4HANA Cloud resultando em uma oferta completa e segura ao mercado", explica o vice-presidente de Produto da SAP Brasil, Knut Barthel. O executivo ainda complementa que um fator importante no processo foi o amplo conhecimento sobre o assunto e o pronto atendimento da Taxweb em relação a este projeto – "durante todos os questionamentos da SAP sobre as funcionalidades da solução da Taxweb e sobre a legislação fiscal, as respostas surgiram de uma forma muito natural, o que evidenciou que a empresa tinha propriedade neste assunto tão complexo e importante. Isso era o que a SAP esperava de um parceiro de peso", finaliza Barthel.

quarta-feira, 28 de março de 2018

SAP INSIDE TRACK SÃO PAULO 2018 – FUNCIONAL – #SITSP

Pelo 9 ano consecutivo, mais uma vez estaremos juntos para o maior evento independente de tecnologia SAP do Brasil!
Esta será a 13º edição do SAP Inside Track São Paulo que acontecerá no dia 21 de julho de 2018.
Se prepare para aprender, compartilhar, conhecer outros profissionais e as pessoas do www.sap.com/community que você ainda não conhece pessoalmente.
Os eventos “Inside Tracks” são uma iniciativa dos SAP Mentors e principalmente dos membros da Comunidade SAP em todo o mundo com o apoio pela SAP. Estes eventos têm sido um grande sucesso em várias parte do Brasil, incluindo Rio de Janeiro, São Leopoldo, Joinville, Novo Hamburgo e talvez com sua ajuda também na sua cidade.
Devido a grande procura, o SAP Inside Track São Paulo é realizado em duas edições, Functional e Developer:
  • SAP Inside Track Sao Paulo 2018 – Funcional
    • Data: Sábado, 21 de Julho, 2018
    • Local: SAP Office em Sao Paulo
  • SAP Inside Track Sao Paulo 2018 – Developer
    • Data: Dezembro, 2018 (TBD)
    • Local: SAP Office em Sao Paulo
Você está convidado a participar e nos ajudar a fazer um SITsp ainda melhor.


Inscrições

Em Breve
A taxa de inscrição do evento é de R$30,00, e inclui:
  • Entrada no evento;
  • Acesso as apresentações das sessões apresentadas;
  • 1 mês de acesso a plataforma de eBooks SAP da editora Espresso Tutorials
As inscrições poderão ser realizadas nesta página, a partir do dia 18 de junho de 2018.


Submeta sua proposta de sessão

Algumas informações importantes:
  • O tempo de palestra é de 30 minutos.
  • O último dia para envio de propostas é sexta-feira, 25 de Maio.
  • Preencha o formulário e aguarde o contato da nossa equipe até o dia 01 de Junho.


Voluntários

Algumas informações importantes:
  • O último dia para se inscrever será na sexta-feira, 25 de Maio.
  • Preencha o formulário e aguarde o contato da nossa equipe até o dia 01 de junho.


Local e Data

  • Onde:  SAP – Av. das Nações Unidas, 14.171 – 7º andar (Entrada pela Chucri Zaidan, em frente ao Shopping Morumbi)
  • Quando: Sábado, 21 de julho de 2018
  • Horário: 09:00 – 17:20.
  • Quem: Profissionais da área SAP.
  • Custo:  R$30,00.
  • Número de Participantes: Max 100 participantes no local.
Lista de Hotels próximos

Sorteio

  • Durante o evento sortearemos 3 eBooks da SAP Press de sua escolha.
  • Acesso gratuito a TODOS ao conteúdo da Expresso Tutorials  mês de acesso a plataforma de livros on line para TODOS os participantes

Agenda

Room NY

Room SF

09:00 – 10:00
Check-in & Reception Coffee
10:00 – 10:10
Keynote – SAP Mentors
10:10 – 10:15
Network ( Speakers Switching)
10:15 – 10:45
Session #S1
10:45 – 10:50
Network ( Speakers Switching)
10:50 – 11:20
Session #S2
11:20 – 11:35
Network ( Room Splitting)
11:35 – 12:05
Session #1
Session #2
12:05 – 11:15
Network ( Speakers Switching)
12:15 – 12:45
Session #3
Session #4
12:45 – 14:45
Lunch
13:45 – 14:45
Late Check-in
14:45 – 15:15
Session #5
Session #6
15:15 – 15:25
Network ( Speakers Switching)
15:25 – 15:55
Session #7
Session #8
15:55 – 16:25
Coffee-Break
16:25 – 16:55
Session #9
Session #10
16:55 – 17:05
Network ( Speakers Switching)
17:05 – 17:20
Giveaways and Closing
Time Zone GMT -3

Participe e nos ajude a fazer a diferença

100% do valor arrecadado pelo evento será doada para o GRAAC, uma instituição social sem fins lucrativos que nasceu em 1991 para garantir a crianças e adolescentes com câncer todas as chances de cura. Para isso, desde 1998, possui um hospital que, em parceria técnica-científica com a Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), é referência no tratamento da doença, principalmente os casos de maior complexidade e alcançando altos índices de cura. Por ano, mais de 3.500 pacientes são atendidos. Além de diagnosticar e tratar o câncer infantil, o GRAACC atua no desenvolvimento do ensino e pesquisa. Fundamentado na parceria universidade, empresa e comunidade, o GRAACC conta com a colaboração de milhares de empresas e pessoas para existir.
O Hospital do GRAACC está preparado para receber crianças e adolescentes, de 0 a 18 anos, provenientes de todas as regiões do Brasil.
fonte: www.graacc.org.br

Imagens de Eventos Anteriores:


Organizadores:


Nossos Agradecimentos:

Fernanda fez parte da organização do SAP Inside Track Sao Paulo 2017 – Developer Edition e nos ajudou a pensar num evento mais organizado, nos ajudou também a implementar mudanças necessárias para tornar o SITsp um evento melhor, sem deixar de ser um evento informal. Tivemos o privilégio de poder ouvir e aprender com quem tem mais experiência do que nós em organização de eventos.
O mais importante, Fernanda nos ajudou mesmo não sendo da área de SAP, trabalhando o tempo todo nos bastidores, quase sem ser notada pelos participantes do evento ou pela SAP Community, não nos pediu nenhum reconhecimento ou qualquer tipo de recompensa. Seu trabalho fez toda diferença para o evento e por isso, hoje temos um SITsp ainda melhor.
Essa deveria ser a postura de qualquer pessoa interessada em organizar um SAP Inside Track, um evento da comunidade que tem como objetivo, compartilhar experiências.
Precisamos de mais pessoas assim para nos ajudar no SITsp. Se você também pensa assim, inscreva-se como voluntário e faça você também a diferença.
Obrigado Fernanda, o SITsp agora tem sua cara ! 😉

Contato para Informações



Realização:




Patrocínio:



Apoio:




Nós Apoiamos:




Outros Eventos:

Fonte: SAP Inside Track São Paulo 2018 – Funcional – #SITSP